Explorando os 15 templos mais antigos do mundo: uma viagem no tempo!

Espalhar o amor

Revisados ​​pela Soliu.

Desde o início da civilização, os humanos têm construído templos para honrar e adorar os seus deuses. Alguns dos templos mais antigos do mundo são Göbekli Tepe (Turquia), West Kennet Long Barrow (Reino Unido), Torre de Jericó (Palestina), Stonehenge (Reino Unido) etc..

Durante milhares de anos, os humanos foram atraídos para lugares sagrados. Desde o início dos tempos, construímos templos e outras estruturas para nos conectarmos com algo maior que nós mesmos. 

Embora os templos mais antigos do mundo possam ter mais de 5,000 anos, suas histórias continuam vivas. Estes templos eram mais do que apenas locais de culto – eram também centros de vida social, cultural e política. 

Ao longo dos milênios, inúmeros templos foram construídos em todo o mundo. Mas quais são os mais antigos? Aqui estão os 15 templos mais antigos do mundo, em ordem cronológica:

Os 15 templos mais antigos do mundo

1. Göbekli Tepe (Turquia)

Templos mais antigos do mundo

Göbekli Tepe, localizado no sudeste da Turquia, é frequentemente considerado o complexo de templos mais antigo do mundo. Ela remonta a cerca de 9600 aC e consiste em várias grandes estruturas circulares com pilares em forma de T. 

Esses pilares são adornados com esculturas complexas representando vários animais e símbolos. Göbekli Tepe desafia as crenças arqueológicas tradicionais sobre o desenvolvimento de sociedades complexas, sugerindo que a religião organizada pode ter sido anterior à agricultura.

Pensa-se que o local tenha sido utilizado como local religioso ou cerimonial e remonta ao período Neolítico, há cerca de 11,500 anos. Acredita-se que caçadores-coletores construíram Göbekli Tepe antes da invenção da agricultura ou mesmo da cerâmica.

2. Templo de Hatshepsut

Templos mais antigos do mundo

O Templo de Hatshepsut, localizado em Luxor, no Egito, é um exemplo impressionante da arquitetura e do artesanato egípcio antigo. Construído durante o século XV a.C., este templo mortuário foi dedicado ao deus sol Amon-Ra e serviu como homenagem a Hatshepsut, uma das poucas mulheres faraós da história egípcia. 

O templo está esculpido nas falésias de Deir el-Bahari, apresenta três terraços adornados com relevos intrincados, estátuas e capelas dedicadas a vários deuses, incluindo Anúbis, Hathor e Ra-Horakhty. O design do templo é caracterizado por suas grandes colunatas e estátuas de Osiride de Hatshepsut, mostrando as proezas artísticas e de engenharia dos antigos egípcios. 

Apesar de enfrentar a erosão natural e as intervenções humanas ao longo dos séculos, o Templo de Hatshepsut foi cuidadosamente restaurado e preservado. A sua importância histórica reside não apenas no seu esplendor arquitetónico, mas também na representação da ousada afirmação de poder de Hatshepsut como faraó. 

3.Ggantija (Malta)

Templos mais antigos do mundo

O templo Ġgantija, localizado na ilha mediterrânea de Gozo, é um complexo de templos megalíticos que remonta a aproximadamente 3600 aC. 

Eles datam de cerca de 5,500 anos atrás, o que os torna mais antigos que Stonehenge e a Grande Pirâmide de Gizé. Os templos foram construídos em forma de duas grandes absides e são feitos de um tipo de calcário conhecido como calcário coralino. O local foi descoberto no início de 1800 e, desde então, muitos mistérios foram descobertos sobre este impressionante local de culto antigo.

O templo é conhecido por suas enormes estruturas de pedra, algumas das quais estão entre os edifícios independentes mais antigos do mundo. Os templos são dedicados a uma deusa da fertilidade e são Patrimônios Mundiais da UNESCO.

4. Torre de Jericó (Palestina)

Templos mais antigos do mundo

A Torre de Jericó, também conhecida como Cidadela de Jericó, é uma das estruturas artificiais mais antigas do mundo. Foi construído em Jericó, na Palestina, por volta de 9,000 aC. Acredita-se que a torre tenha sido um centro cerimonial, bem como uma estrutura defensiva. 

As ruínas da torre fazem agora parte do Património Mundial da UNESCO e são um dos sítios arqueológicos mais importantes da região. A torre fornece informações importantes sobre as culturas antigas do Oriente Próximo e nos ajuda a compreender o desenvolvimento da civilização nesta região.

5. Newgrange (Irlanda)

Templos mais antigos do mundo

Newgrange é um monumento pré-histórico na Irlanda, construído por volta de 3200 aC, tornando-o mais antigo que Stonehenge e a Grande Pirâmide de Gizé. O templo consiste em um grande monte circular, feito de camadas de pedra, e possui uma enorme pedra de entrada. Dentro do monte há uma passagem que leva a uma grande câmara central. 

É um túmulo de passagem com um longo corredor e uma câmara central. A câmara possui alguns entalhes interessantes, como espirais e padrões geométricos. Newgrange é famosa pelo fenômeno do solstício de inverno, quando a luz solar ilumina a câmara interna durante o nascer do sol no dia mais curto do ano. Provavelmente também foi usado para cerimônias religiosas. Newgrange é um dos sítios neolíticos mais importantes da Europa.

6. Hagar Qim (Malta)

Templos mais antigos do mundo

Hagar Qim é outro complexo de templos megalíticos em Malta e um dos templos mais antigos do mundo. O templo remonta a aproximadamente 3600 aC e acredita-se que tenha sido construído por uma civilização pré-histórica conhecida como Construtores de Templos. 

O complexo consiste em dois templos, ambos com impressionantes estruturas megalíticas, incluindo enormes blocos de pedra. Existem também algumas esculturas intrigantes, incluindo espirais, formas geométricas e esculturas de animais e plantas.

É conhecida pelas suas estruturas bem preservadas, incluindo um edifício central e várias absides. O local é dedicado a uma deusa da fertilidade e é Patrimônio Mundial da UNESCO.

7. Stonehenge (Reino Unido)

Templos mais antigos do mundo

Stonehenge é um dos sítios pré-históricos mais famosos do mundo e também um dos templos mais antigos. Ele está localizado no sul da Inglaterra e é composto por grandes pedras monolíticas dispostas em uma formação circular.

Foi construído em várias etapas entre 3000 aC e 2000 aC. Acredita-se que o templo tenha servido a vários propósitos religiosos, culturais e astronômicos para sociedades antigas. Stonehenge é hoje um UNESCO Patrimônio Mundial.

8. Skara Brae (Escócia)

Templos mais antigos do mundo

Skara Brae, localizado em Orkney, Escócia, é um assentamento neolítico que remonta a cerca de 3100 aC. É considerada uma das aldeias neolíticas mais bem preservadas da Europa. 

O local apresenta casas construídas em pedra e um traçado complexo com características sofisticadas, incluindo sistemas de drenagem, lareiras e uma oficina comunitária. Skara Brae provavelmente foi usado como centro religioso, bem como local de habitação, e oferece um vislumbre da vida das pessoas que ali viviam.

9. Hipogeu de Ħal-Saflieni (Malta)

Templos mais antigos do mundo

O Hipogeu de Ħal-Saflieni é um complexo de templos subterrâneos em Malta. É um dos sítios pré-históricos mais impressionantes de Malta, construído entre 3,400 e 3,000 aC. O templo consiste em três níveis de câmaras escavadas em rocha calcária. As câmaras incluem uma sala central, um salão principal e uma série de salas laterais.

Acredita-se que o local tenha sido usado para fins religiosos e cerimoniais, e é um dos templos subterrâneos mais bem preservados do mundo. Agora é um Patrimônio Mundial da UNESCO.

10. Know (Irlanda)

Templos mais antigos do mundo

Knowth é uma tumba de passagem na Irlanda, construída por volta de 3200 aC. Faz parte do Patrimônio Mundial da UNESCO Brú na Bóinne, que também inclui monumentos de Newgrange e Dowth. Knowth é notável por sua rica coleção de arte megalítica, incluindo pedras decorativas com entalhes intrincados.

Possui mais de 300 esculturas elaboradas e obras de arte nas pedras do monumento, e ainda é um lugar misterioso para arqueólogos e historiadores. 

11. Tărtăria (Romênia)

Templos mais antigos do mundo

As tabuinhas Tărtăria, descobertas na Romênia em 1961, são um conjunto de três tabuinhas de argila que datam de cerca de 5300 aC. Embora não sejam um templo no sentido tradicional, estes artefactos são significativos porque apresentam alguns dos primeiros exemplos conhecidos de escrita ou símbolos, sugerindo formas primitivas de comunicação e expressão religiosa.

Foram encontrados dentro de uma habitação neolítica, que pode ter sido um templo ou espaço sagrado. As tabuinhas estão inscritas com sinais que parecem ser uma forma de escrita, possivelmente relacionada com a escrita Vinca ou outro sistema de escrita pré-histórico. 

12. Knap of Howar (Escócia)

Templos mais antigos do mundo

O Knap of Howar é um dos templos mais antigos do mundo e uma das casas de pedra mais preservadas da Europa. Ela remonta a cerca de 3700 aC. Ele está localizado na ilha de Papa Westray, uma das Ilhas Orkney, na Escócia. 

O Knap of Howar consiste em duas casas de pedra construídas com técnicas de paredes de pedra seca. As paredes ainda estão de pé e acredita-se que as casas tenham sido usadas para fins domésticos e rituais. O local fornece informações valiosas sobre as práticas agrícolas e a vida doméstica dos povos neolíticos.

13. Mnajdra (Malta)

Templos mais antigos do mundo

Os templos de Mnajdra, localizados na costa sul de Malta, são um sítio pré-histórico que remonta a cerca de 4,000 aC. O complexo inclui três templos principais, bem como vários outros menores. Acredita-se que os templos tenham sido usados ​​para fins religiosos e astronômicos e apresentam uma variedade de esculturas e desenhos intrincados. 

Mnajdra é um dos sítios pré-históricos mais impressionantes e bem preservados do mundo e oferece uma visão fascinante das crenças religiosas e dos rituais das pessoas que ali viviam.

14. West Kennet Long Barrow (Reino Unido)

Templos mais antigos do mundo

O West Kennet Long Barrow, localizado em Wiltshire, Inglaterra, é um cemitério neolítico que remonta a cerca de 3,500 aC. É um dos maiores sítios pré-históricos do UK, e acredita-se que tenha sido usado como local de sepultamento e ritual por mais de 2,000 anos. 

O túmulo consiste em um longo monte de pedra cercado por um anel de grandes pedras verticais. No interior existem duas câmaras e vários túmulos individuais. O West Kennet Long Barrow é um local importante para a compreensão das crenças e práticas dos povos pré-históricos no Reino Unido.

15. Templos de Tarxien (Malta)

Templos mais antigos do mundo

Os Templos de Tarxien, localizados em Malta, são um grupo de quatro templos megalíticos que são alguns dos mais antigos do mundo. Os templos datam de cerca de 3,600 aC e foram construídos com grandes blocos de pedra. Os templos são conhecidos por seu design complexo, com características como relevos esculpidos, estátuas e decorações de parede. 

Pensa-se que os templos eram usados ​​para cerimônias e rituais religiosos, e algumas das esculturas foram interpretadas como representando a fertilidade ou figuras de deusas-mães. Os templos são dedicados a várias divindades e são Patrimônios Mundiais da UNESCO.

Onde fica o primeiro local de adoração do mundo?”

Segundo especialistas, acredita-se que o primeiro local de culto do mundo foi Göbekli Tepe, localizado na atual Turquia. Também está no topo da lista dos templos mais antigos do mundo. Acredita-se que este sítio arqueológico tenha sido usado para fins rituais já há 12,000 anos. 

Há evidências de que as pessoas se reuniam ali para realizar cerimônias, incluindo festas e sacrifícios de animais. Embora haja algum debate sobre se Göbekli Tepe era ou não realmente um local de culto, está claro que era um local essencial para os primeiros humanos. Continua a ser um local significativo de estudo arqueológico hoje.

Passeio Atlântico

Qual é o templo mais antigo da Europa?

O templo mais antigo da Europa é Stonehenge, um monumento pré-histórico localizado em Wiltshire, Inglaterra. O propósito exato de Stonehenge ainda é debatido, mas acredita-se que tenha sido um local de significado religioso ou cerimonial. 

A datação por radiocarbono indica que o monumento foi construído entre 3000 e 2000 aC, o que significa que tem mais de 5,000 anos. É um dos monumentos neolíticos mais famosos da Europa e foi declarado Património Mundial da UNESCO.

Qual é o maior templo do mundo?

O complexo do templo Angkor Wat, localizado no Camboja, é considerado o maior monumento religioso do mundo. Abrange uma área de mais de 200 hectares, ou 500 acres, e inclui um templo central cercado por templos menores, bem como vários lagos e jardins. 

O templo foi construído no século 12 como local de culto hindu, mas mais tarde tornou-se um local budista. Hoje, é um famoso centro turístico, atraindo mais de 2 milhões de visitantes todos os anos. É também Património Mundial da UNESCO, reconhecido pelo seu significado cultural e histórico.

Conclusão 

Os templos mais antigos do mundo contam uma história da evolução humana. Durante milhares de anos, as pessoas têm usado estas estruturas para se conectarem com algo maior do que elas mesmas. São mais do que meros edifícios – são testemunhos da imaginação humana e da nossa busca incessante por significado. 

Embora tenham sido construídos há milhares de anos, as histórias que contam sobre o espírito humano são tão relevantes hoje como eram naquela época. Os templos mostram-nos que, independentemente das nossas diferenças culturais, religiosas ou políticas, estamos todos ligados pela nossa humanidade partilhada. Não importa o quão longe tenhamos chegado, estes templos lembram-nos que o espírito da humanidade é eterno.


Espalhar o amor

Deixe um comentário