Fortuna, biografia, família, marido e mais de Genevieve Nnaji (2023)

Espalhar o amor

Este artigo sobre o patrimônio líquido e a biografia de Genevieve Nnaji abrange detalhes minuciosos do veterano de Nollywood, desde seu patrimônio líquido até a filha e o pai do bebê. Continue lendo para saber mais sobre esse veterano.

Genevive Nnaji, carinhosamente chamada de “Genny” por seus fãs, é uma talentosa atriz, modelo e produtora de cinema nigeriana cuja graça e talento brilham dentro e fora da tela. Ela é amplamente conhecida não apenas por suas proezas de atuação em filmes, mas também por sua beleza atemporal.

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Genevive Nnaji é membro de uma pequena e influente lista A de atores do país, apenas com seu primeiro nome, “Genevieve”, ela é facilmente identificável. No entanto, algumas perguntas podem estar atormentando você sobre essa atriz veterana, perguntas como Genevieve foi à escola? Quem é o marido dela? Qual é o patrimônio líquido de Genevive? Este artigo fornecerá uma biografia abrangente do veterano de Nollywood.

Perfil de Genevive Nnaji

Nome de nascençaGenevive Nnaji
Nome artísticoGenevive Nnaji
Data de nascimento3 de maio de 1979
Fortuna de Genevieve NnajiAproximadamente US$ 12 milhões
Fonte da riquezaEndossos, Moda, Imóveis e Entretenimento.
MaridoSolteira e nunca foi casada
Nome da FilhaChimebuka Theodora nasceu em 1999
Estreia no cinema profissional1998 “Os Mais Procurados”
Primeira aparição no cinemaOndulações produzidas por Zeb Ejiro
Seu primeiro filme produzido2015 “Caminho para Ontem”
Primeiro filme como diretor2018 “Coração de Leão
Estado de origemEstado de Imo em Mbaise
Escola Primária / Secundária / UniversidadeKemstar/ Methodist Girls' College, Yaba/ Universidade de Lagos
Irmãos7
Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Biografia de Genevieve Nnaji

Genevieve, como resultado de seus talentos excepcionais, sua beleza eterna e seu talento para manter sua vida fora da mídia, não é apenas a mais popular quando se trata do rosto feminino na indústria de atuação na Nigéria, mas ela também é bem conhecido e amado na Nigéria como um todo.

Ela começou seus primeiros dias estudando como Yaba quando cresceu e se tornou uma das pessoas cujos primeiros nomes são facilmente usados ​​para identificá-los sem a necessidade de uma introdução adicional.

Quando você ouve o nome Genevieve dentro e fora da África e além, o que vem à mente é a imagem deliciosa da estrela altamente talentosa de Mbaise, no estado de Imo, na Nigéria.

Primeiros Anos e Escolarização

Genevieve Nnaji nasceu em 3 de maio de 1979, em Mbaise, Imo State, Nigéria. Ela é a quarta de oito filhos em sua família. Seu pai era engenheiro, enquanto sua mãe era professora. Genevieve enfrentou dificuldades para conseguir papéis no cinema em Surulere, a capital do cinema da África, durante os primeiros dias de sua carreira.

Ela foi forçada a pular de um teste para outro, tudo em busca de pessoas para reconhecer seu talento; em uma atmosfera muito competitiva, Genevieve se encarregou de se estabelecer contra todas as probabilidades.

Genevieve frequentou a escola primária Kemstar situada em Surulere. Ela foi para o Methodist Girls College em Yaba, Lagos, para sua educação secundária e mais tarde passou a estudar artes criativas em regime de meio período na Universidade de Lagos. Mais tarde, ela abandonou a universidade no final dos anos 90 por ser incapaz de conciliar os estudos e sua carreira de atriz em rápido crescimento.

Ela apareceu aos oito anos na popular novela de televisão "Ripples". por Zeb Ejiro. No entanto, seu papel de destaque veio no ano de 1998, quando ela estrelou o filme “Most Wanted”, dirigido por Tunji Bamishigbin.

Genevieve Nnaji teve que fazer isso devido a restrições econômicas quando seu pai perdeu o emprego duas vezes e teve que se mudar de Surulere para Egebda, essa mudança obrigou ela e seus irmãos a ajudar a mãe em seus negócios comerciais.

Apesar de seu sucesso inicial, Genevieve enfrentou várias lutas em sua carreira, incluindo problemas com pirataria e falta de financiamento adequado para a indústria cinematográfica na Nigéria. No entanto, ela perseverou e se tornou uma das atrizes de maior sucesso em Nollywood, a indústria cinematográfica da Nigéria.

Gravidez e revelação do cinema

Em 1997, aos 18 anos, Genevieve engravidou e deu à luz sua filha, Theodora Chimebuka Nnaji. Na época, a notícia de sua gravidez causou um frenesi na mídia na Nigéria, já que a gravidez antes do casamento ainda era um tabu no país.

Apesar da reação inicial, Genevieve continuou a seguir sua carreira de atriz e conseguiu um papel de destaque no filme de 2002 “Sharon Stone”, dirigido por Tade Ogidan. Sua atuação no filme foi amplamente elogiada e ajudou a consolidar seu status como uma das principais atrizes de Hollywood.

Antes de seu papel no filme de 2002 "Sharon Stone", ela lutou para persuadir diretores e produtores a arriscar nela.

O diretor Elvis Obaseki lembra também como Genevieve estava desanimada e à beira das lágrimas quando ele optou por não escalá-la para um papel no cinema.

Cinco anos depois, a mesa foi virada e, embora Obaseki tenha oferecido a Genevieve uma grande taxa sobre o que ela deveria receber quando ela atuasse em um filme anos atrás, ela recusou.

A estreia profissional de Genevieve foi em 1998, quando ela apareceu no filme “Most Wanted” em uma participação especial como repórter de Ralph Nwadike quando ela tinha 19 anos.

Em 2021, foi eleita a melhor atriz de 2001 pela Revista City People que até então só apresentava homenageadas figuras políticas e empresariais.

Após sua descoberta em “Sharon Stone”, Genevieve estrelou vários filmes de sucesso, incluindo “Ijele”, “Keeping Faith” e “Mirror Boy”. Ela também foi aclamada pela crítica por seu papel no filme de 2005 “30 Days”, dirigido por seu amigo e mentor, Kunle Afolayan.

A gravidez de Genevieve e o avanço da atuação são momentos importantes em sua vida, pois mostram sua resiliência e determinação para ter sucesso diante da adversidade. Eles também demonstram seu talento como atriz e sua capacidade de cativar o público com suas atuações.

Proibição e música de Nollywood

Em 2005, Genevieve Nnaji foi proibida pela Associação de Profissionais de Marketing e Distribuidores de Filmes da Nigéria (AMMD) de aparecer em qualquer filme de Nollywood.

O motivo da proibição foi devido às altas taxas e ao desejo da associação de regular os salários dos atores e atrizes da indústria. A proibição não visava apenas a ela, mas também proibia os produtores de recrutar atores de renome na indústria devido a demandas salariais.

Também ocupando assentos reais nas listas de banimentos estavam alguns de seus colegas, como Stephanie Okereke, Stella Damasus, Rita Dominic e Omotola Jalade Ekeinde. Na época, elas eram coletivamente apelidadas de “cinco grandes garotas”.

Eles estavam cobrando até 3 milhões de nairas por aparições em filmes e os produtores não estavam dispostos a pagar, pois havia um orçamento definido para os filmes na época.

Desempregado devido à proibição, Genevieve se aventurou na música, lançando seu primeiro álbum "One Logologo Line" em 2004. O álbum, que era uma fusão de R&B, hip-hop e reggae, recebeu críticas mistas, mas ainda foi um sucesso comercial.

A carreira musical de Genevieve não durou muito, pois ela logo mudou seu foco de volta para a atuação. No entanto, sua incursão na música mostrou sua versatilidade como artista e sua vontade de experimentar diferentes gêneros.

A proibição de Nollywood de Genevieve acabou sendo suspensa em 2009, e ela retomou sua carreira de atriz com uma paixão renovada. Ela estrelou vários filmes de sucesso, incluindo “The Mirror Boy”, “Half of a Yellow Sun” e “Lionheart”, que ela também dirigiu.

No geral, o banimento e a carreira musical de Genevieve foram momentos significativos em sua carreira, mostrando sua resiliência e versatilidade como artista. Eles também destacaram alguns dos desafios enfrentados por atores e atrizes na indústria cinematográfica nigeriana e a necessidade de uma melhor regulamentação e suporte para a indústria.

Fortuna de Genevieve Nnaji

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Quando se trata da profissão de atriz, Genevieve Nnaji é a mais rica da Nigéria, com seu patrimônio líquido em cerca de US $ 12 milhões e equivalente a # 5 bilhões.

Quando seu filme da Netflix, "Lion Heart", estreou com um valor estimado de US $ 3.8 milhões, ela se tornou a primeira bilionária em Nollywood.

 Nos corredores de Lekki, Ikoyi, Abuja e Gana, Genevieve possui muitas propriedades de escolha e também possui várias frotas de automóveis, incluindo marcas de luxo como Range Rover, BMW e Mercedes Benz.

Endossos

Genevieve teve parcerias de endosso muito lucrativas com um número diversificado de empresas de prestígio como Range Rover Evoque, Pronto, Amstel Malta, Etisalat, etc.

Em 2004, Genevieve assinou um contrato de patrocínio com a gigante das telecomunicações, Globacom, que a tornou o rosto da campanha publicitária da empresa por vários anos. Ela também endossou marcas como Lux, Amstel Malta, Etisalat (agora 9mobile) e Range Rover.

Biografia de Genevieve Nnaji

Os acordos de endosso de Genevieve não foram apenas lucrativos, mas também ajudaram a melhorar sua imagem e aumentar sua popularidade. Como ícone de estilo, ela também colaborou com marcas de moda como St. Genevieve e Polo Avenue.

De acordo com um estudo realizado em 2014, Genevieve foi considerada a celebridade mais rica da Nigéria com base apenas em endossos superando nomes como D'banj, Wizkid, Don Jazzy e P-quadrado.

Genevieve também se tornou o rosto de Lux e ela é a primeira nigeriana a conseguir esse feito, colocando-a na companhia de lendas da indústria como Catherine Zeta-Jones, Demi Moore e Marilyn Monroe, todas as quais enfeitaram o sabonete de beleza como fachada.

Em 2019, Genevieve fez história ao se tornar a primeira atriz de Nollywood a ter seu filme, “Lionheart”, adquirido pela gigante do streaming, Netflix. O filme também foi endossado pelo governo nigeriano e mostrou o talento e o potencial da indústria cinematográfica nigeriana para um público global.

Os endossos e realizações de Genevieve fizeram dela um modelo para jovens nigerianos e africanos, e ela continua a inspirar outras pessoas com seu talento, trabalho árduo e dedicação ao seu ofício.

Moda

Genevieve Nnaji é amplamente considerada um ícone da moda na Nigéria e além. Seu senso de estilo impecável e aparência moderna lhe renderam inúmeros elogios e a tornaram a favorita entre os entusiastas da moda.

Ela apareceu nas passarelas da moda e também modelou para diversas marcas de roupas. Ela criou uma linha de roupas chamada St. Genevieve no ano de 2008.

Quanto Genevieve ganha por filme?

O poder aquisitivo de Genevieve não se limita apenas à sua carreira de atriz. Ela também é uma empresária de sucesso e fez investimentos significativos em imóveis e outros empreendimentos. Ela também ganhou milhões de dólares com seus acordos de patrocínio e colaborações com marcas de moda e beleza.

Ela foi a primeira a ganhar sete dígitos para uma aparição no cinema. No ano 2000, ela ganhou cerca de 3 a 4 milhões de nairas por cada roteiro. Ela recebeu cerca de US $ 25000 por seu papel no grande sucesso de 2010 "Ije".

Marido de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji é uma pessoa muito reservada quando se trata de sua vida pessoal e nunca confirmou publicamente ser casada. Houve rumores e especulações sobre seus relacionamentos, mas ela nunca confirmou nenhum deles.

Em outubro de 2015, ela afirmou que o medo de ter um casamento fracassado é a principal razão pela qual ela não conseguiu se casar.

Em 2016, houve rumores de que Genevieve havia se casado em uma cerimônia de casamento secreta, mas depois ela negou os rumores em entrevista à mídia, afirmando que ainda estava solteira e procurando.

Genevieve sempre manteve sua vida pessoal longe dos olhos do público e não compartilhou nenhuma informação sobre seus relacionamentos românticos ou parceiros em potencial. Ela está focada na carreira e na família, que inclui a filha, que teve quando ainda era adolescente.

Filha de Genevive e papai bebê

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji tem uma filha chamada Theodora Chimebuka Nnaji, que nasceu em 1999. Essa decisão acabou levando-a a abandonar a escola. Ela admitiu ter descoberto a gravidez cerca de quatro meses após o início da gravidez para a agora extinta Treasure Magazine. Ela também admitiu aos pais não saber que estava grávida até os 7 meses de gravidez.

A identidade do pai de sua filha permaneceu um mistério, já que Genevieve nunca revelou seu nome publicamente, mas havia rumores de que um socialite americano conhecido como Dotun Oladipo, também conhecido como Acura, era o pai de seu bebê, embora ele não negasse ter nada a ver com ela, ele apenas negou ser o pai.

Em uma entrevista, Genevieve afirmou que tomou a decisão de manter a identidade do pai de sua filha privada para proteger a privacidade de sua família e manter sua dignidade. Ela também enfatizou a importância de as mulheres assumirem a responsabilidade por suas ações e as consequências que vêm com elas.

Genevieve sempre foi muito reservada sobre sua vida pessoal e conseguiu proteger sua filha dos olhos do público, permitindo que ela crescesse longe da atenção da mídia. No entanto, Theodora ocasionalmente acompanhava a mãe a eventos, onde foram fotografadas juntas.

A identidade do pai da filha de Genevieve Nnaji permanece desconhecida, e ela fez um esforço consciente para manter a vida de sua filha privada. Ela continua a se concentrar em sua carreira e em ser mãe, além de ser um modelo e inspiração para muitas mulheres jovens na Nigéria e além.

 A filha de Genevieve também tem um filho?

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Sim, ela é a mãe orgulhosa de um menino, ao contrário de sua mãe, Theodora Chimebuka se casou em 2016 com seu galã e os dois deram as boas-vindas a um menino, tornando Genevieve uma linda avó.

Assuntos de Genevieve Nnaji

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji é conhecida por ser uma pessoa muito reservada quando se trata de sua vida pessoal, e isso também inclui seus relacionamentos românticos. Ela nunca confirmou nenhum dos rumores ou especulações sobre seus casos e sempre se manteve discreta a esse respeito.

No passado, houve rumores sobre Genevieve estar em relacionamentos com figuras proeminentes da indústria do entretenimento, incluindo músicos e atores. Há rumores de que ela está em um relacionamento com ex-vice-presidente Atiku Abubakar, D'banj, Ugochukwu Ufuaze, etc.

Um desses rumores de romance levou Desmond Ike Chima, do myemag.net, à prisão depois que ele ligou Genevieve a casos extraconjugais. No entanto, nenhum desses rumores foi confirmado pela própria Genevieve, e ela sempre manteve sua vida pessoal longe dos olhos do público.

Prêmios Genevieve Nnaji

Ao ganhar o prêmio de melhor atriz em 2005 em um Oscar de cinema africano realizado em Bayelsa, na Nigéria, como seu papel principal, ela conseguiu solidificar seu status de superestrela. Ela é a primeira atriz a ganhar a honra.

Ela recebeu vários prêmios e indicações por suas atuações excepcionais em filmes, bem como por suas contribuições para a indústria do entretenimento nigeriana. Alguns de seus prêmios notáveis ​​incluem:

  • África Movie Academy Award de Melhor Atriz em Papel Principal (2005)
  • City People Entertainment Award de Melhor Atriz do Ano (2001, 2005, 2010, 2011)
  • African Magic Viewers Choice Award de Melhor Diretor de Filme (2015)
  • Prêmio Trailblazer Escolha dos Visualizadores do Africa Magic (2019)
  • Prêmio Personalidade do Ano de Nollywood no ThisDay Awards (2012)

Além desses prêmios, Genevieve também recebeu reconhecimento por suas contribuições para a indústria de entretenimento nigeriana. Ela foi homenageada com um prêmio nacional, Membro da Ordem da República Federal (MFR), pelo governo nigeriano em 2011.

Conquistas de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji alcançou inúmeros marcos em sua carreira como atriz, produtora e diretora. No ano de 2009, Genevieve foi incluída em “Conheça as pessoas mais famosas do mundo”, um programa de Oprah Winfrey.

 Aqui estão algumas de suas realizações notáveis: 

  • Carreira de sucesso como atriz: Genevieve está na indústria do entretenimento há mais de duas décadas e já apareceu em vários filmes, tanto na Nigéria quanto internacionalmente. Ela ganhou vários prêmios e indicações por suas atuações excepcionais e é considerada uma das atrizes de maior sucesso na Nigéria.
  • Primeiro filme nigeriano na Netflix: Em 2018, Genevieve fez história ao dirigir e estrelar o primeiro filme nigeriano, “Lionheart”, a ser adquirido pela Netflix. O filme estreou no Festival Internacional de Cinema de Toronto e foi aclamado pela crítica.
  • Fundadora da The Entertainment Network (TEN): Genevieve é ​​a fundadora da The Entertainment Network (TEN), uma plataforma que apóia e promove talentos emergentes na indústria de entretenimento nigeriana.
  • Trabalho filantrópico: Genevieve é ​​conhecida por seu trabalho filantrópico e apoiou inúmeras causas, incluindo educação, direitos das mulheres e luta contra o HIV/AIDS. Em 2018, ela foi nomeada Embaixadora da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e continuou a usar sua plataforma para defender o desenvolvimento sustentável na África.
  • Ícone da moda: Genevieve também é conhecida por seu senso de estilo e foi reconhecida como um ícone da moda na Nigéria. Ela apareceu na capa de várias revistas de moda e colaborou com várias marcas de moda.

Genevieve também foi premiada com a Ordem da República Federal da Nigéria por suas contribuições para Nollywood em 2011. Sua cidade natal não foi poupada, pois concederam a ela “Eze Adaemoji de Amuzu Nweafor” um título de chefia no estado de Imo. Genevieve também é a primeira atriz nigeriana a ser verificada no Twitter.

O melhor beijador de Nollywood

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

Em uma entrevista com o ator ganense Majid Michel, ele elogiou Genevieve Nnaji como a melhor beijadora da indústria cinematográfica de Nollywood. De acordo com Majid Michel, ele teve a oportunidade de trabalhar com Genevieve em um set de filmagem e ficou impressionado com suas habilidades como atriz e beijadora.

O beijo, entretanto, ocorreu em "Bursting Out", um filme de 2010. Ambos os artistas ganharam o Prêmio Nollywood de Melhor Beijo em 2011.

Genevieve Nnaji e Omotola-Jalade-Ekeinde são inimigos?

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

No passado, houve rumores de que Genevieve Nnaji e Omotola Jalade-Ekeinde, duas das maiores atrizes de Nollywood, não se davam bem. No entanto, não houve nenhuma evidência concreta para apoiar esses rumores, e ambas as atrizes negaram qualquer rixa ou animosidade entre elas quando questionadas.

De fato, em uma entrevista de 2018 ao Guardian Life, Genevieve Nnaji elogiou Omotola Jalade-Ekeinde, chamando-a de “atriz talentosa” e “uma força a ser reconhecida”. Omotola também falou positivamente sobre Genevieve em entrevistas anteriores, reconhecendo-a como pioneira na indústria de Nollywood.

Embora possa ter havido alguma competição ou rivalidade entre as duas atrizes no passado, parece que elas deixaram as diferenças de lado e continuam a apoiar e respeitar o trabalho uma da outra.

Filmes de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji é uma atriz prolífica e já apareceu em vários filmes ao longo de sua carreira em Nollywood. Desde sua estreia em 1999, Genevieve já apareceu em quase 500 filmes.

Aqui estão alguns de seus filmes mais populares:

  • Coração de Leão (2018)
  • Ije (2010)
  • Metade de um Sol Amarelo (2013)
  • Caminho para o ontem (2015)
  • Tango comigo (2010)
  • Manter a fé: isso é amor? (2002)
  • Garoto do Espelho (2011)
  • Estourando (2010)
  • 30 Dias (2006)
  • A visita (2015)
  • Irmãs de Sangue (2003)
  • Sharon Stone (2002)
  • Jogos que as mulheres jogam (2005)
  • Escândalos Silenciosos (2009)
  • Poder do Amor (2010)

Controvérsias de Genevieve Nnaji

Genevieve Nnaji é uma atriz famosa que enfrentou algumas polêmicas ao longo de sua carreira. Aqui estão algumas das controvérsias em que ela esteve envolvida:

  • Em 2004, Genevieve foi proibida de trabalhar em Nollywood junto com outros atores devido a uma suposta conduta não profissional. No entanto, a proibição foi suspensa um ano depois.
  • Em 2016, espalharam-se rumores de que Genevieve havia se casado secretamente em Portugal. No entanto, ela negou os rumores e disse que não era casada.
  • Em 2017, Genevieve teria recebido uma ordem judicial por sonegação de impostos. Mas depois ela resolveu o problema com a agência.
  • Em 2018, houve polêmica em torno da seleção do filme de Genevieve Lionheart como a inscrição da Nigéria para a categoria de Melhor Longa-Metragem Internacional do Oscar. O filme foi inicialmente desqualificado porque era quase todo em inglês, mas essa decisão foi posteriormente revertida.
  • Em 2020, Genevieve recebeu críticas por seu tweet sobre os protestos End SARS na Nigéria, que alguns consideraram divisivos. No entanto, ela mais tarde se desculpou por seu tweet e expressou seu apoio ao movimento.

É importante lembrar que algumas dessas controvérsias são baseadas em rumores ou mal-entendidos. Genevieve conseguiu limpar o ar em alguns casos. Apesar dessas controvérsias, ela ainda é uma figura amada e respeitada na indústria de Nollywood.

Netflix Coração de Leão

Patrimônio líquido de Genevieve Nnaji

“Lionheart” é um filme nigeriano dirigido por Genevieve Nnaji e lançado na Netflix em 2018. O filme conta a história de uma mulher chamada Adaeze (interpretada por Nnaji), que está tentando salvar a empresa de transporte de seu pai depois que ele adoece. .

O filme foi aclamado pela crítica e elogiado por retratar a cultura nigeriana e a força de suas personagens femininas. Foi também o primeiro filme nigeriano a ser adquirido pela Netflix e disponibilizado para um público global.

Tornou-se o primeiro original da Netflix da Nigéria. Foi lançado por US $ 3.8 milhões. Foi rejeitado pelo Oscar devido a irregularidades linguísticas após ser aprovado pela primeira vez, sua decisão foi amplamente criticada.

Aqui está uma prévia do filme

Genevieve e o Feminismo

Genevieve Nnaji tem sido uma defensora do feminismo e dos direitos das mulheres ao longo de sua carreira. Ela usou sua plataforma para se manifestar contra a discriminação de gênero, violência doméstica, casamento entre meninas e outras questões que afetam as mulheres na Nigéria e além.


Espalhar o amor

Deixe um comentário